22/12/2010

ACTIVISTAS LIBERTOS EM CABINDA

Notícias da última hora dão conta de que o Pe Raúl Tati e companheiros ganharam a liberdade hoje, Quarta-feira, dia 22 de Dezembro.

Na sequência da pronúncia do Tribunal Constitucional sobre a inconstitucionalidade da sua condenação, o Concelhos dos Juzes do Tribunal Provincial de Cabinda reuniu e tomou a decisão de libertá-llos. Em seguida, pediu a comparência deles no Tribunal da Comarca de Cabinda e anunciou-lhes a liberdade.

Eram cerca de 13h30, quando conversei por telefone com o Padre Raút Tati que deixava a Unidade Penitenciaria do Yabi em companhia do Dr Francisco Luemba, Belchior Lanso Tati, André Zeferino Puati e Benjamim Fuca.

Nao tenho detalhes sobre as condições e o ambiente desta soltura, pelo que estarei de novo convosco logo que me encontre com eles.

Com os melhores cumprimentos

José Marcos Mavungo
Activista de Direitos Humanos.
Movel - 923 715 896

Para mais informações, é favor contactar:

Esposa do Belchior – 925173912
Esposa de Zeferino Puati – 923 803 177
Dr Francisco Luemba – 925 848 139

10ªparte O ESTADO DA NAÇÃO por Isaías Samakuva Presidente da UNITA

video

9ªparte O ESTADO DA NAÇÃO por Isaías Samakuva Presidente da UNITA

video

8ªParte LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO NÃO PARTAM A MINHA CASA-Luanda

video

7ªParte LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO NÃO PARTAM A MINHA CASA-Luanda

video

6ªParte LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO NÃO PARTAM A MINHA CASA-Luanda


video

5ªParte LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO NÃO PARTAM A MINHA CASA-Luanda

video

15/12/2010

Na sala de Conferencia do Hotel Skyna-Luanda o LANÇAMENTO DO DOCUMENTÁRIO NÃO PARTAM A MINHA CASA

A Associação OMUNGA tem a honra de convidar o Público de Luanda e não só à participar no acto do lançamento do documentário “NÃO PARTAM A MINHA CASA”, a ter lugar pelas 16H00 de 17 de Dezembro de 2010, na sala de Conferencia do Hotel Skyna-Luanda.


A actividade enquadra-se na campanha contra as demolições e desalojamentos forçados.    
 Os presentes terão direito a uma cópia do documentário e a uma Tshirt da campanha.

3ªparte O ESTADO DA NAÇÃO por Isaías Samakuva Presidente da UNITA

video

2ªparte O ESTADO DA NAÇÃO por Isaías Samakuva Presidente da UNITA

video

1ªparte O ESTADO DA NAÇÃO por Isaías Samakuva Presidente da UNITA

video

Armando Chicoca vai a Julgamento.


Armando Chicoca Conhece sentença na próxima semana.

Enviar por E-mailVersão para impressãoPDF
chicocada
Julgamento do jornalista Armando Chicoca e mais dois arguidos acusados por crimes de calúnia e difamação, poderão conhecer a sentença na próxima quarta feira.
O enviado especial da rádio Ecclesia á cidade do Namibe José de Belém, tem mais dados.








Polícia expulsa populares da sala do tribunal.

Enviar por E-mailVersão para impressãoPDF
chico_1Decorre o julgamento do jornalista Armando Chicoca, acusado de ter cometido quatro crimes. Segundo informações, ao meio da sessão, os populares e jornalistas que assistiam ao acto foram retirados da sala, vamos ouvir esse cidadão que também foi retirado da sala








O jornalista Armando José Chicoca vai nesta Quarta-Feira a julgamento no tribunal provincial do Namíbe. Sobre o profissional pesam quatro acusações, sendo que três delas foram intentadas pelo juiz do presidente do tribunal provincial daquela província.
Depois de já ter sido julgado e preso por um mês, o jornalista Armando Chicoca vai responder a quatro processos, na Ecclesia sabe que um grupo de jornalistas e activistas cívicos já chegaram ao Namíbe e o José de Belém já conversou com o advogado David Mendes.